Santa Casa de Batatais tem departamento de contabilidade estratégico

2020-04-28T15:34:26-03:00 29/04/2020|

Na área da saúde, não apenas aqueles que lidam diariamente com os pacientes são estratégicos para os hospitais. Há outros setores determinantes para fazer a engrenagem girar e que contribuem com a missão de um hospital em prestar assistência com qualidade e humanização. Esse é o caso do departamento de contabilidade hospitalar, que permite à administração ser mais eficiente, organizada e a ter um planejamento que permite decisões estratégicas no curto, médio e no longo prazo.

 

A Santa Casa de Batatais é uma das instituições que conhecem a importância do setor na prática. A área é responsável por fazer o gerenciamento e demonstrações contábeis da instituição de saúde, ajudar na tomada de decisões e a manter a saúde financeira do hospital. É um diferencial em uma instituição fundada há 106 anos e que preza pelo constante aprimoramento.

 

E ali, a gestão de custos é particularmente delicada, por se tratar de uma entidade filantrópica, que tem que atender a exigências relacionadas ao terceiro setor, manter a ética e a transparência da instituição perante os órgãos públicos e à sociedade em geral. Para resolver essas particularidades, conta com um departamento de contabilidade hospitalar liderado por Josilene D. Fernandes.

 

A colaboradora atua como profissional de contabilidade há 19 anos, 13 deles na Santa Casa de Batatais, e conta como o seu departamento é estratégico para a tomada de decisões.

 

 

Contabilidade Hospitalar

 

Josilene avalia que o departamento de contabilidade, bem como todos os outros da Santa Casa de Batatais, também salva vidas. “Nem todas as pessoas que trabalham em hospitais e Santas Casas são da área da saúde, mas com nosso conhecimento como profissionais da contabilidade e das ferramentas contábeis também podemos salvar vidas, propiciando um maior controle e supervisão com relação ao fluxo de caixa das instituições, principalmente no que se refere ao acompanhamento de todos os serviços prestados aos pacientes.”

 

E Josilene tem razão, porque a prática contábil feita pela administração hospitalar gera benefícios diretos para o paciente que usa os serviços do hospital. A redução de custos, por exemplo, pode garantir a sustentabilidade das instituições. Afinal, o gestor contábil torna a administração hospitalar mais eficiente e organizada e tem a possibilidade de flexibilizar as formas de pagamentos pelos serviços prestados e, em alguns casos, até mesmo diminuir determinados valores.

 

O ramo da saúde é um dos que mais demandam atenção e dedicação do contador. E ter uma contabilidade especializada, que compreenda as particularidades da rotina, as diversas modalidades e exigências dos conselhos de classe, faz toda a diferença. Outra particularidade é a ética e a transparência na transmissão de dados de interesse público, sobretudo ligadas a transações com governos. Ela permite que o atendimento seja padronizado de acordo com as necessidades dos profissionais da área da saúde, tornando os processos menos burocráticos, de forma que o atendimento ao paciente seja sempre a sua prioridade.

 

 

A parceria com a Wareline

 

Josilene ressalta que todos esses bons resultados são alcançados na Santa Casa também graças aos sistema de gestão hospitalar da Wareline. E ela credita isso ao módulo Contábil. “Ele é bem completo e está integrado aos demais módulos do sistema, o que permite o fechamento contábil de forma rápida e segura – em especial os módulos financeiro, estoques e patrimônio”, explica.

 

Entre as suas principais funcionalidades, a contadora cita quatro que são determinantes para seu trabalho:

 

Rastreabilidade

Em que todos os lançamentos contábeis automáticos importados possuem busca e amarração para o movimento de origem (nota fiscal, duplicata, borderô, etc.).

 

Exportação arquivos SPED

O SPED tem importância fundamental quando se trata da fiscalização da Receita Federal para apurar sonegação fiscal. Por isso, é de suma importância nos dias de hoje que os sistemas disponham de ferramentas de importação e exportação de arquivos exigidos por órgãos do governo. Isso traz confiabilidade nas informações para o profissional de contabilidade e segurança para a instituição.

 

Implantação de Saldos

A implantação dos saldos iniciais para começar a utilizar o ERP na virada da competência ou exercício de forma automática é muito importante a fim de se evitar erros.

 

Bloqueio de competência

Antes de começar o processo de auditoria ou quando são encerradas as conciliações, é possível bloquear um período ou uma competência inteira para que não sejam mais realizadas alterações ou novos lançamentos, inclusive no módulo financeiro.

 

Para finalizar, Josilene ainda destaca que o módulo facilita a gestão de custos, estoque e patrimônios. “O ERP conta com todos os módulos em um único banco de dados. Isso facilita e garante a integração efetiva entre os departamentos e processos. Se a gestão de custos, estoques e patrimônio não for bem administrada, pode causar prejuízo, perda de tempo, produtividade e de serviços,” conclui.

 

Parabenizamos a Josilene pelo Dia da Contabilidade, em 25 de abril, e agradecemos por ser essa profissional comprometida em manter o setor tão estratégico e auxiliar os gestores na tomada de decisões. Buscamos por mais parcerias como a que temos com a Santa Casa de Batatais. Quer contar com todos os diferenciais da contabilidade na sua instituição? Conte com a Wareline!