• Telemarketing

Conheça as vantagens do Módulo telemarketing para instituições filantrópicas

2019-03-07T13:35:58-03:00 07/03/2019|

Se você é gestor de hospital filantrópico, possivelmente já lidou com desafios e ou instabilidades financeiras em sua instituição e sabe o quão complexo é construir, cultivar e manter uma rede de confiança entre sua instituição, a sociedade e os contribuintes.

Em um país com dimensões continentais como o Brasil, existem mais de 2600 hospitais filantrópicos – entre os quais estão as Santas Casas –, instituições sem fins lucrativos, que dependem diretamente de doações para existirem e seguirem oferecendo atendimento à população.

Solução de captação de recursos

Pensando em auxiliar as operações de captação de recursos financeiros em hospitais filantrópicos, a Wareline possui uma solução específica em seu Sistema de Gestão Hospitalar: o módulo Telemarketing. A intenção é auxiliar a equipe responsável por conduzir a captação de doações para o hospital e gerenciar o processo de recebimento de receita.

Afinal, o telemarketing é uma ferramenta essencial para auxiliar gestores no planejamento dos esforços de captação e consolidação de metas de campanhas, no conhecimento e relacionamento junto à base de contribuintes e nas tomadas de decisões. Como resultado, observa-se maior retenção, fidelização, renovação e aumento da base de contribuintes. Além de permitir uma rotina de comunicação e a criação de um CRM junto aos doadores que respeita as preferências de contato, forma de pagamento e periodicidade, facilitando o processo e minimizando desconfortos.

Como funciona

O primeiro passo consiste na importação e integração do cadastro de doadores ativos ou potenciais para dentro do módulo de captação. O objetivo é coordenar as atividades subsequentes. Em seguida, são criadas listas individualizadas de prospectados para cada um dos operadores de telemarketing (repique), o que possibilita a configuração de metas, comissionamento e indicadores às equipes, controladas via Workflow.

Então, o módulo viabiliza a captação de doações por três métodos:

  • Recibo: consiste na forma manual de operar as doações. O módulo financeiro da Wareline emite diversos recibos por lote, que são enviados aos potenciais doadores por meio de mensageiros/portadores. No retorno dessa informação o colaborador do financeiro precisa informar manualmente quais foram bem-sucedidos na captação.
  • Boleto: trata-se da emissão do arquivo CNAB (Centro Nacional de Automação Bancária) aos bancos, em três possibilidades distintas:
  1. Envio do arquivo CNAB ao banco e a própria instituição imprime e envia dos boletos.
  2. Envio do arquivo CNAB ao banco, sendo que impressão e envio dos boletos ficam por conta do Hospital.
  3. Envio do arquivo CNAB ao banco e gráficas, sendo que a responsabilidade de imprimir e enviar os boletos aos doadores é da gráfica.
  • Carnê: o sistema gera um carnê de pagamento com 12 parcelas para ser enviado ao doador. Este método inclui o envio do arquivo CNAB, que pode ser gerenciado como as 3 opções acima.

Na volta da informação, o arquivo CNAB do banco é importado pelo sistema, que registra as baixas de pagamento e faz a conciliação bancária. E, paralelamente, gera o repique dos doadores para que novos contatos sejam feitos pela equipe de telemarketing. Finalmente, o modulo permite a configuração de recebimento de comissões, que podem ser fixas ou uma porcentagem das doações. E apresenta a evolução mensal de resultados, permitindo revisões e novas tomadas de decisões.

Se a sua instituição filantrópica enfrenta dificuldades para aumentar a receita e ampliar a base de doadores, o gargalo pode estar no gerenciamento deste processo. O Módulo Telemarketing da Wareline é a solução simples e prática para entregar mais eficiência à equipe e operação de captação. Entre em contato com nossa equipe para conhecer os diferenciais da nossa ferramenta.