Servidores paulistas têm aumento de até 35% no salário

Aproximadamente 30 mil funcionários que trabalham na área da saúde terão seus salários reajustados a partir deste mês pela Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo. Os aumentos, que chegam a 35%, foram decididos com base em um estudo desenvolvido pela comissão técnica do órgão durante o segundo semestre de 2013 para adequar os valores conforme os praticados pelo mercado de trabalho. Também serão aplicados reajustes sobre o valor do Prêmio de Incentivo dos servidores, pagos todo o dia 25. 
Os agentes técnicos de assistência à saúde, um grupo formado por psicólogos, assistentes sociais, biologistas, farmacêuticos, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais, fonoaudiólogos e técnicos de reabilitação física, por exemplo, terão um aumento de 119% do Prêmio de Incentivo. Outros profissionais receberão aumentos mais moderados, como os técnicos de enfermagem, com 104%; os auxiliares de enfermagem, com 86% e os enfermeiros, com 75%.
“Os servidores da Saúde prestam um inestimável serviço no atendimento aos usuários da rede pública. A valorização profissional da categoria é um compromisso firmado pelo governador Geraldo Alckmin, garantindo uma remuneração justa e compatível com o mercado”, explica o secretário de Estado da Saúde, David Uip.
é possível que os funcionários da saúde do estado de São Paulo tenham ainda mais benefícios futuramente, pois está sendo analisada uma proposta de alteração da lei que regulamenta o prêmio incentivo. Com a mudança sugerida por ela, o pagamento do benefício também seria feito nas férias e no 13º salário, além de ser incorporada à aposentadoria dos servidores.
2014-04-24T00:00:00-03:00