São Paulo adota prontuário eletrônico em hospitais do SUS

2013-08-19T00:00:00-03:00 19/08/2013|
prontuário eletrônico é uma das ferramentas que compõem o sistema de gestão hospitalar da Wareline. A função desta ferramenta é tão importante para as instituições de saúde que a Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo desenvolveu um software que está disponível a partir desta segunda para os hospitais e unidades de saúde do estado. Veja a notícia completa abaixo:

Os hospitais e unidades de saúde do Estado da Saúde de São Paulo ganham, a partir desta segunda-feira (19), um modelo de prontuário eletrônico unificado que busca permitir acesso ao histórico de atendimento dos pacientes em qualquer unidade do Sistema único de Saúde (SUS) da rede. O objetivo é implementar um histórico integrado de prontuários, no qual o médico não tenha que iniciar um processo de avaliação clínica a cada vez em que um paciente se dirige ao hospital.

Em desenvolvimento desde o início de 2012, o S4SP (Saúde para São Paulo) foi desenvolvido pela Secretaria Estadual de Saúde e pela Prodesp (Companhia de Processamento de Dados do Estado de São Paulo), que ficará responsável pelo sigilo das informações de aproximadamente 20 milhões de pacientes do SUS no Estado. Foram investidos cerca de R$ 56 milhões no sistema, que funciona na nuvem.

Onze hospitais da capital participaram do piloto do sistema, que agora será estendido para outros 22 serviços – incluindo cidades do interior e do litoral. Até o fim de 2014, a Secretaria da Saúde de São Paulo espera que o sistema esteja funcionando em 57 unidades de administração direta e 37 gerenciadas por organizações sociais (OS). Segundo o jornal O Estado de S. Paulo, o modelo paulista é inspirado em outros usados no Canadá, na Inglaterra e na Austrália

Fonte: Saúde web