Hospital Espírita de Marilia aposta em tecnologia para se aprimorar

Com mais de 60 anos dedicados à assistência à saúde mental, o Hospital Espírita de Marília tem o objetivo de oferecer tranquilidade e bem estar aos seus pacientes e familiares. Para isso, conta com uma equipe humanizada e uma estrutura que está em constante transformação com o intuito de prestar um atendimento cada vez mais eficiente. A capacidade da instituição em atender diversos pacientes de Marília e região também é reflexo de seu investimento em tecnologia.

Cliente da Wareline há aproximadamente um ano, a santa casa realiza uma média de 300 atendimentos diariamente, além de 200 internações mensais. A unidade de saúde tem 16 mil m² de área construída e conta com uma estrutura composta por 330 leitos, sendo 280 do SUS (Sistema único de Saúde) e 50 de particulares. Além disso, possui uma equipe formada por 240 colaboradores; entre eles estão 10 médicos, 20 enfermeiros e 80 técnicos de enfermagem.

Dificuldades

Buscando oferecer um atendimento cada vez melhor e proporcionar aos colaboradores ferramentas de trabalho mais completas, a instituição decidiu investir em tecnologia em 2004. De acordo com administrador do Hospital Espírita de Marília, Bruno Armentano, a equipe da entidade é multidisciplinar e um trabalho depende do outro. Deste modo, era necessária uma tecnologia que integrasse as informações dos diversos setores e as deixasse disponíveis em rede.

“Utilizamos por um bom tempo um sistema interligado, porém, muitas vezes, ficavam algumas lacunas que não conseguíamos resolver. A qualidade da informação não era tão trabalhada e causava desconforto com paciente e o plano de saúde”, explica Armentano.

Aquisição e implantação

Buscando a integração de informações entre os diversos setores e suprir outras necessidades não atendidas pelo sistema utilizado anteriormente, a instituição contratou a Wareline e já é cliente há aproximadamente um ano. A escolha pela empresa aconteceu após a diretoria da instituição conhecer o funcionamento do seu sistema em um hospital da mesma especialidade e com as mesmas características que a santa casa.

“Ficamos muito surpresos e empolgados quando vimos do que o sistema era capaz. Toda a equipe do hospital conheceu o software e validou a implantação”, completa Armentano. Todo o processo de implantação durou cinco meses e foi dividido em etapas.

“O departamento de TI do hospital se organizou junto com a equipe da Wareline, sempre muito prestativa e atenciosa, e começamos o processo de implantação”, lembra o administrador.

Resultado

Agilidade e precisão na informação foram os principais resultados obtidos após a implantação do sistema. A troca de dados entre os setores ficou mais rápida e desta forma melhorou os processos de decisão e planejamento do hospital. “A cada dia que passa nos surpreendemos de maneira positiva com o sistema, pois sentimos o efeito da implantação e da utilização do sistema. Vários processos foram aperfeiçoados de acordo com a realidade do hospital”, completa Armentano.

O projeto incluiu a implantação de um sistema de farmácia diferenciado, um sistema de faturamento exclusivo para o Hospital Dia e a divisão de contas de pacientes de longa permanência entre convênio e consumo particular. Além disso, o prontuário eletrônico, a prescrição eletrônica e o gerenciamento de contas eletrônico proporcionaram velocidade e qualidade de informação.

“Realmente, a Wareline é muito disposta em ajudar e compreender como funciona nosso operacional para sintetizar em linguagem de programação e possibilitar a interação com o pessoal da equipe. Hoje, todo o hospital utiliza o sistema e fazemos dele nosso meio de comunicação”, finaliza.

 

Texto publicado originalmente na revista Wareline Conecta – edição 4
2013-10-02T00:00:00-03:00