Governo gastou R$ 3,05 por dia com saúde em 2013

De acordo com dados divulgados pelo CFM (Conselho Federal de Medicina), os governos estaduais, municipais e federal destinaram R$ 1.098,75 para cuidar da saúde de cada cidadão brasileiro em 2013. Por dia, o valor é de R$ 3,05, que de acordo com o órgão é insuficiente para garantir um sistema de saúde de qualidade e está abaixo dos parâmetros internacionais.

Para o levantamento, foram considerados os valores declarados à Secretaria do Tesouro por meio de relatórios. No total, os três níveis de governo aplicaram no ano passado R$ 220,9 bilhões na saúde. Essa quantia é destinada à cobertura das ações de aperfeiçoamento do sistema público de saúde. Além disso, parte da verba também é usada para o pagamento de funcionários e outras despesas de custeio do SUS (Sistema único de Saúde).
Em comparação com outros países, o Brasil está aquém nos investimentos com saúde. De acordo com dados da OMS (Organização Mundial da Saúde), enquanto no Brasil o gasto público em saúde alcança US$ 512 por pessoa, na Inglaterra ele é cinco vezes maior, chegando ao valor de US$ 3.031. 
Outros países também apresentam um investimento maior para a área como a França (US$ 3.813), Alemanha (US$ 3.819), Canadá (US$ 3.982), Espanha (US$ 2.175), Austrália (US$ 4.052) e Argentina (US$ 576). 

Números regionais

Além dos dados nacionais, o CFM também conseguiu levantar informações sobre os gastos com saúde dos dez estados mais populosos do Brasil. De modo geral, o valor destinado à área foi considerado insuficiente pela entidade em todos os estados. As despesas foram cruzadas com o índice de Desenvolvimento Humano (IDH), oferta de leitos para cada grupo de 800 habitantes, taxas de incidência de tuberculose e dengue, além da cobertura populacional de Agentes Comunitários de Saúde (ACS) e Equipes de Saúde da Família (ESF).

Veja o ranking dos estados, que mostra o gasto per capta por ano:

1: Distrito Federal (R$ 1.042,40)

2: Roraima (892,69)
3: Acre (875,80)
4: Tocantins (764,22)
5: Amapá (730,90)
6: Amazonas (566,83)
7: Espírito Santo (479,82)
8: Pernambuco (425,65)
9: São Paulo (420,10)
10: Sergipe (390,53)
2014-07-08T00:00:00-03:00