Anvisa institui comitê gestor da implantação da rastreabilidade

2014-02-11T00:00:00-02:00 11/02/2014|
A rastreabilidade dos medicamentos dentro dos hospitais é muito importante, tanto para o controle do estoque quanto para a administração correta dos remédios para cada um dos pacientes. Nesse sentido, os sistemas de gestão hospitalar colaboram de maneira essencial, pois agilizam e facilitam este processo. Em escala maior, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) quer implantar este conceito em todo o país. Veja mais detalhes abaixo:
A implantação da rastreabilidade de medicamentos no Brasil será acompanhada por um comitê especialmente formado para esta função. O Comitê Gestor da Implantação do Sistema Nacional de Controle de Medicamentos (Rastreabilidade) conta com representantes do governo, conselhos profissionais, representações da indústria e entidades das diferentes áreas da cadeia de medicamentos.
Entres as funções do Comitê está a indicação de parâmetros de integração dos dados da Rastreabilidade com o sistema de medicamentos controlados, o SNGPC. Os participantes do grupo também terão a responsabilidade de fazer a articulação com os setores envolvidos, indicar critérios e parâmetros técnicos e realizar estudos e propostas para que o medicamento seja rastreável até o consumidor final, especialmente aqueles que não são de controle especial.
As matérias aprovadas pelo Comitê que resultem em aspectos normativos dependerão de deliberação da Diretoria Colegiada da Anvisa.
Portaria 176/2014 que institui o Comitê está na edição desta terça-feira (11) do Diário Oficial da União.

Fonte: Anvisa