AME Itapeva está entre os melhores do Estado

2016-05-19T00:00:00-03:00 19/05/2016|
Pesquisa de satisfação realizada pela Secretaria de Estado da Saúde mostra que os AMEs (Ambulatórios Médicos de Especialidades) do governo do Estado têm altos índices de aprovação dos pacientes. A média geral das 52 unidades de todo o Estado foi de 96,8% de aprovação. O AME Itapeva obteve 98.5% de aprovação, melhor avaliação entre os ambulatórios que compõem a região de Sorocaba.
A pesquisa é referente a 2015 e foi realizada com pacientes das unidades, que avaliaram seis quesitos: espaço físico, atendimento da recepção, atendimento da equipe médica e da equipe de enfermagem, atendimento de outros profissionais e ambulatório.
“A opinião de quem usa o serviço é essencial. Além disso, os bons resultados motivam ainda mais os funcionários, e números tão positivos como estes mostram que estamos no caminho certo.”, afirma David Uip, secretário de Estado da Saúde.
De acordo com Natalia Facco Nalesso, coordenadora administrativa do AME Itapeva, esse tipo de pesquisa é muito importante. “Nós sempre trabalhamos com afinco para oferecer serviços de qualidade ao usuário. A pesquisa nos dá a devolutiva de que nossas metas estão sendo atingidas”, explica.
Aristeu de Almeida Camargo Filho, superintendente da Santa Casa de Itapeva, Organização Social gestora do AME Itapeva, comemora o resultado. “Estamos há mais de cinco anos na gestão do AME Itapeva. é uma satisfação muito grande saber que fomos classificados entre os melhores do Estado. Isso mostra que nossa equipe está sempre dedicada em exercer seu melhor papel”.
Sobre os AME´s

Os AMEs são unidades estaduais de alta resolutividade, com modernos equipamentos, que oferecem consultas com médicos em diferentes especialidades, consultas não-médicas em áreas como fisioterapia e fonoaudiologia, exames de apoio diagnóstico e, em alguns casos, cirurgias em um mesmo local, proporcionando maior rapidez ao diagnóstico e ao tratamento dos pacientes.
O objetivo dos AMEs é proporcionar atendimento de forma próxima e acessível ao cidadão, por meio da prestação de um conjunto de serviços que garantam uma intervenção rápida e eficaz, a fim de promover o diagnóstico precoce, orientar a terapêutica e ampliar a oferta de serviços ambulatoriais especializados, atendendo à necessidade regional nos problemas de saúde que não podem ser plenamente diagnosticados ou orientados na rede básica, pela sua complexidade, mas que não precisam de internação hospitalar ou atendimento urgente.
Os AMEs recebem pacientes encaminhados pelas Unidades Básicas de Saúde dos municípios. O agendamento das consultas é feita pelos próprios postos de saúde, mediante sistema informatizado da Secretaria.
Fonte: Santa Casa de Itapeva